ter
10
mar
2020

marcelo crivella-ABr
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella

Agentes da Polícia Civil e integrantes do MP do Rio de Janeiro (MP-RJ) cumprem na manhã desta terça-feira (10) mandados de busca e apreensão contra um esquema de corrupção na Prefeitura do Rio. Além do prefeito Marcelo Crivella, também são alvos da operação o presidente da Riotur, Marcelo Alves, e seu irmão, Rafael Alves.

Agentes da Polícia Civil e integrantes do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) cumprem na manhã desta terça-feira (10) mandados de busca e apreensão em uma investigação que apura a suspeita de uma espécie de balcão de negócios na Prefeitura do Rio que viabilizava a liberação de recursos públicos para empresas privadas mediante o pagamento de propinas. Além do prefeito Marcelo Crivella, também são alvos da operação o presidente da Riotur, Marcelo Alves, e seu irmão, Rafael Alves.

Segundo reportagem do jornal O Globo, a investigação teve como ponto de partida a delação do doleiro Sérgio Mizrahy, preso no ano passado durante a operação Câmbio, Desligo. Mizrahy disse em sua delação que havia implantando um “QG da propina” na sede do Executivo carioca.

“Rafael Alves viabiliza a contratação de empresas para a prefeitura e o recebimento de faturas antigas em aberto, deixadas na gestão do antigo prefeito Eduardo Paes, tudo em troca do pagamento de propina”, destacou o doleiro em sua delação.

Brasil 247


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br