seg
03
ago
2020

Henrique Magalhães

A Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) realiza, nesta terça-feira (4), a quarta edição do ‘Painel Funesc’, a partir das 19h. O tema em debate vai ser ‘30 anos da Gibiteca Henfil’, com transmissão ao vivo via YouTube (youtube.com/funescpbgov).

Os debatedores serão os quadrinistas Thaïs Gualberto (criadora da personagem ‘Olga, a sexóloga’ e ex-gerente da Gibiteca Henfil) e Henrique Magalhães (criador da personagem ‘Maria’ e fundador da Gibiteca Henfil), com mediação de Maria Botelho (gerente da Gibiteca Henfil).

O ‘Painel Funesc’ estreou no dia 14 deste mês, quando o tema debatido foi ‘Dramaturgia do teatro paraibano com foco em Lourdes Ramalho ‘. Diógenes Maciel e Paulo Vieira foram os debatedores, com o ator e diretor Tony Silva como mediador.

Semana retrasada, a segunda edição do Painel teve como tema ‘A Biblioteca Pública antes e depois da pandemia’, com as debatedoras Edilene Toscano, Anelise Macedo e Tatiana Cavalcante (com mediação de Cybelle Macedo).

E semana passada, o universo do circo esteve em debate. Participaram desse painel a atriz e palhaça Marinalva Rodrigues, a circense Josilene Santos e o ator e palhaço Kleber Marone, com mediação do professor e artista circense Josemberg Pereira (gerente de Circo da Funesc).

Henrique Magalhães – Nascido em 1957, em João Pessoa (PB), Henrique Magalhães criou em 1975 a personagem de quadrinhos Maria, que publicou em tiras diárias nos jornais locais, em fanzines e revistas independentes.

Em 1995 criou a editora Marca de Fantasia, voltada à publicação de fanzines, álbuns, revistas e livros sobre quadrinhos e temas afins. É autor do livro ‘O que é fanzine’, pela editora Brasiliense, ‘O rebuliço apaixonante dos fanzines’, ‘A nova onda dos fanzines’ e ‘A mutação radical dos fanzines’, pela Marca de Fantasia.

É Mestre em Ciências da Comunicação pela ECA-USP e Doutor em Sociologia pela Universidade de Paris. Na UFPB, ensinou no Curso de Comunicação em Mídias Digitais e no Mestrado em Comunicação.

Thaïs Gualberto – Formada em Arte e Mídia pela Universidade Federal de Campina Grande, a quadrinista Thaïs Gualberto começou a se dedicar às histórias em quadrinhos no fim de 2009, quando criou sua personagem “Olga, a sexóloga”.

Em 2010, formou o Coletivo WC com outros quadrinistas paraibanos, com quem publicou duas edições da revista Sanitário. Em 2012 participou da formação da revista Inverna, uma publicação pensada para divulgar o que vinha sendo produzido pelas quadrinistas brasileiras.

Trabalhou na Funesc como Chefe do Núcleo da Gibiteca, onde idealizou, por exemplo, o “Quadrinhos Intuados”. Publicou tirinhas nos jornais A União, Folha de S. Paulo, O Beltrano e foi colaboradora do Lady’s Comics. Atualmente faz parte dos grupos Políticas e Quadrilha.

Secom-PB


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br