ter
01
jun
2021

Omar Aziz_nise
Omar Aziz e Nise Hitomi Yamaguchi (Foto: Agência Senado)

Após vídeos apresentados na CPI apontarem que a médica Nise Yamaguchi defendeu publicamente em 2020 a cloroquina, imunidade de rebanho e o isolamento social, o presidente da CPI, senador Omar Aziz (PSD-AM), subiu o tom e apelou aos brasileiros: “não escutem o que ela está dizendo”.

O senador também ressaltou em sua fala que a médica, que presta depoimento à CPI nesta terça-feira (1) na condição de testemunha, “está omitindo informações e voltará na condição de convocada”.

Aziz faz referência às respostas contraditórias de Nise. Apesar de os vídeos apontarem suas falas em defesa da cloroquina, contra a vacinação em massa e em defesa da imunidade de rebanho, aos senadores ela nega que tenha feito tal defesa ou afirma que não foi exatamente aquilo o que disse.

“A senhora retira então o que disse?”, perguntou em algumas ocasiões o relator Renan Calheiros (MDB-AL). “Não retiro”, respondeu Nise, mais uma vez se contradizendo.

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) sugeriu que a sessão seja suspensa, para que Nise seja convocada (e não convidada) como testemunha.

Brasil 247


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br