dom
05
set
2021

fap0501

O governador João Azevêdo autorizou, na sexta-feira (03), um convênio de R$ 5 milhões anuais com a Prefeitura Municipal de Campina Grande, exclusivamente para tratamento de pacientes oncológicos. O acordo subsidiará o Hospital da FAP, que é a referência em câncer da cidade, e que apresenta atualmente problemas de operacionalidade.

De acordo com o secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, o Governo da Paraíba mantém um repasse de R$ 2,4 milhões anuais com a mesma unidade e o novo convênio vai acrescentar os recursos. Ele destaca que outras ações da saúde também estão sendo realizadas na região como a construção do Hospital de Clínicas, cujo projeto executivo está pronto e foi apresentado esta semana, e a implantação da hemodinâmica no Hospital de Trauma de Campina Grande.

“A chegada da hemodinâmica preencherá um vazio assistencial de doenças cardiovasculares e cerebrovasculares em Campina Grande. O serviço estará disponível 24h ao usuário do SUS, com profissional de plantão. Isso permitirá um grande avanço na assistência do cidadão portador de doenças cerebrais e cardiovasculares, determinando a diminuição de complicações, sequelas e mortes”, pontua.

Além das ações de investimento, o Governo da Paraíba assinou convênio, em abril do corrente ano, para viabilizar doações para o Hospital da FAP por meio das contas de água.

Secom-PB


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br