dom
10
out
2021

carro_tiroteio
Carro em que as vítimas do tiroteio estavam (Foto: Redes Sociais)

Cinco pessoas foram executadas em menos de 24 horas na região de fronteira entre Brasil e Paraguai, entre as cidades de Ponta Porã, no Brasil, e de Pedro Juan Caballero, no Paraguai.

Entre as vítimas encontram-se Farid Charbell Badaoui Afif, de 37 anos, vereador da cidade fronteiriça de Ponta Porã; e Haylee Carolina Acevedo Yunis, de 21 anos, filha de Ronald Acevedo, governador do estado de Amabai, no Paraguai, informa o portal G1.

As polícias brasileira e paraguaia investigam em conjunto os assassinatos e se há qualquer relação entre eles.

Afif foi executado na tarde de sexta-feira (8), enquanto andava de bicicleta. Poucas horas antes, publicou um vídeo nas redes sociais falando que passaria em alguns locais.

De acordo com o portal Campo Grande News, Haylee e outra vítima, Osmar Vicente Álvarez Grance, de 32 anos, teriam acabado de sair de uma festa e estavam dentro de um carro quando os atiradores se aproximaram dirigindo outro veículo e atiraram.

As outras vítimas eram Kaline Reinoso de Oliveira, de 22 anos, morta com 14 tiros, e Rhamye Jamilly Borges de Oliveira, de 18 anos, atingida por dez tiros.

Conforme reporta O Tempo, a imprensa local especula que apenas uma das vítimas, Osmar Grance, seria o principal alvo dos atiradores, segundo a Polícia Nacional e o Ministério Público. O jovem homem foi baleado 31 vezes.

O responsável pela investigação destes assassinatos, o comissário Jorge Vidallet, afirmou que Osmar estaria envolvido em atividades de tráfico de droga.

De momento, as câmeras de segurança próximas do local do incidente estão sendo verificadas.

Brasil 247


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br