ter
23
nov
2021

A secretária de Saúde de Princesa Isabel, Francisca Lucena, disse que foram triados usuários de sete cidades da Região da Serra do Teixeira: Princesa Isabel (sede da 11ª Região de Saúde), Imaculada, Água Branca, Juru, Tavares, São José de Princesa e Manaíra. 

Caravana Rede Cuidar_Princesa Isabel

São sete especialidades multiprofissionais (cardiologia, ortopedia, odontologia, fonoaudiologia, fisioterapia, nutrição e enfermagem) e vários exames para cumprir os principais objetivos da Caravana da Rede Cuidar: triagem, diagnóstico e resolução. A ação aconteceu nesta terça-feira (23), na cidade de Princesa Isabel, a 430 km de João Pessoa, e segue para Itaporanga nesta quarta-feira (24).

O evento, que começou na segunda (22), em Monteiro, e acontecerá em 13 cidades, até o dia 04 de dezembro, é realizado pela Secretaria de Estado da Saúde (Ses), por meio da Rede Cuidar.

“O objetivo da Caravana numa cidade como Princesa é justamente por conta da grande distância, o que dificulta a locomoção das pessoas para os grandes centros, em busca de assistência mais complexa que não tenha no interior do estado. Na Caravana, além de oferecermos vários atendimentos, ainda têm os serviços e qualificações profissionais e, tudo isso, em apenas um dia”, disse a coordenadora geral da Rede Cuidar, Juliana Soares.

A secretária de Saúde do município de Princesa Isabel, Francisca Lucena, disse que foram triados usuários de sete cidades da Região da Serra do Teixeira: Princesa Isabel (sede da 11ª Região de Saúde), Imaculada, Água Branca, Juru, Tavares, São José de Princesa e Manaíra. 

“Além dos usuários, cada cidade enviou também seus profissionais para fazerem as qualificações que a Caravana oferece. Esta ação é um aprendizado. Ela vem para dar assistência a quem precisa e deixar ensinamentos que serão usados por profissionais locais”, informou.

A dona de casa Lucivânia Bezerra foi à Caravana em busca da novidade deste ano: a ortopedia. O filho dela, Caíque Barbosa, de 15 anos, é autista e tem dificuldade de locomoção. Ele foi avaliado pelos ortopedistas e traumatologistas, que o colocaram no sistema para que seja acompanhado no Complexo Pediátrico Arlinda Marques, referência nas áreas de ortopedia e neurologia pediátricas.

“Até agora, o que mais tem me impressionado em participar da Caravana é a desinformação das pessoas em relação às doenças dos filhos. Muitas vezes, são problemas que já poderiam ter sido resolvidos, desde o nascimento, mas os filhos já estão grandes, o que dificulta mais a solução”, disse o ortopedista André Ximenes.

Atendimento em Monteiro – No primeiro dia da Caravana, nesta segunda-feira (22), na cidade de Monteiro, foram realizados 149 atendimentos e 115 procedimentos individualizados (pequenas cirurgias; verificação de pressão, etc)

A programação segue pelas cidades de Itaporanga (24); Cajazeiras (25); Sousa (26); Catolé do Rocha (27); Pombal (28); Patos (29); Picuí (30); Queimadas (1º); Guarabira (02); Mamanguape (03) e Itabaiana (04).

Secom-PB


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br