seg
07
jan
2019

Reprodução

No sexto dia seguido da onda de violência no Ceará, criminosos incendiaram na madrugada desta segunda-feira (7) uma ambulância em Reriutaba, uma loja de móveis em Fortaleza e atacaram uma rádio e a Câmara dos Vereadores da cidade de Icó; No estado são pelo menos 120 ações criminosas desde o início da onda de violência.

247 – No sexto dia seguido da onda de violência no Ceará, criminosos incendiaram na madrugada desta segunda-feira (7) uma ambulância em Reriutaba, uma loja de móveis em Fortaleza e atacaram uma rádio e a Câmara dos Vereadores da cidade de Icó. No estado são pelo menos 120 ações criminosas desde o início da onda de violência. A Força Nacional chegou ao estado na sexta-feira e começou a atuar nas ruas na noite de sábado (5).

O governo do Ceará informou que transferiu um dos chefes de uma facção criminosa para um presídio federal. Outros 19 detentos também devem ser levados para outras unidades prisionais nos próximos dias. O governo federal ofereceu 60 vagas em presídios federais para receber integrantes de facções do Ceará.

Ao menos 110 pessoas suspeitas de participação nos crimes foram capturadas, e dois homens morreram em confronto com policiais, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Pelo menos 60 prisões ocorreram após a chegada de tropas da Força Nacional ao Ceará.

Brasil 247


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br