dom
14
abr
2019

Ruy Carneiro

Apesar do relator da reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ), deputado Delegado Marcelo Freitas (PSL-MG), ter recomendado na última terça-feira (9) a aprovação da reforma da Previdência (PEC 6/19), a temática parece não encontrar respaldo junto a classe política. Programada para retornar os debates na CCJ nesta segunda-feira, 15, a proposta deve ser rejeitada de forma unânime pela bancada federal paraibana é o que afirma o deputado federal e presidente estadual do PSDB Ruy Carneiro.

Ruy Carneiro revelou que a bancada federal da Paraíba já teria fechado questão contra essa alteração do Benefício de Prestação Continuada (BCP), que atinge diretamente os trabalhadores rurais e idosos. “Não há como ter mudança nesse ponto. Essa economia é uma migalha! Você está, na verdade, acabando a vida de um idoso que, ele e a família estão em condição de miserabilidade. Afinal é a época onde o cidadão mais precisa: precisa de remédios, de determinada alimentação, e querem tirar desse cidadão um salário mínimo, que já não é grande coisa”, disse o tucano paraibano. Atualmente o PSDB da PB tem três deputados federais.

A ideia do governo Bolsonaro, segundo a líder do Governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), é fazer a discussão da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 6/19 amanhã 15, mesmo que o debate avance pela madrugada, e votar o texto já na terça-feira, por causa do feriado da Semana Santa.

PB Agora


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br