qua
02
out
2019

CHICO CÉSAR

O cantor e compositor paraibano Chico César denunciou em seu perfil no Instagram ter sido vítima de censura. O alvo foi a canção “Pedrada”. Segundo o artista, uma emissora de TV o convidou para uma apresentação.

“Censura é um negócio muito chato, mas autocensura é mais ainda. Eu sofri censura e estou contando essa história contrariando meus assessores de comunicação. Fui convidado para participar de um programa importante de um canal grande de TV aqui do Brasil. Eles pediram que músicas eu iria fazer. Fiz uma lista. Eles pediram Mama África e À Primeira Vista. Eu aceitei. Eles pediram para trocar Pedrada por outra música e eu não aceitei. E eles toparam tudo, eu comprei passagens para os músicos para participar do programa amanhã. Eles pediram para tirar Pedrada e eu não aceitei. Aí, me limaram do programa. Tudo bem”.

Confira a letra de Pedrada, que já foi tema da coluna mais recente de Leonardo Dantas no ParlamentoPB

Pedrada
Chico César

Cães danados do fascismo
Babam e arreganham os dentes
Sai do ovo a serpente
Fruto podre do cinismo
Para oprimir as gentes
Nos manter no escravismo
Pra nos empurrar no abismo
E nos triturar com os dentes
Ê república de parentes pode crer
Na nova Babilônia eu e você
Somos só carne humana pra moer
E o amor não é pra nós
Mas nós temos a pedrada pra jogar
A bola incendiária está no ar
Fogo nos fascistas
Fogo, Jah
Ê república de parentes pode crer
Na nova Babilônia eu e você
Somos só carne humana pra moer
E o amor não é pra nós
Mas nós temos a pedrada pra jogar
A bola incendiária está no ar
Fogo nos fascistas
Fogo, Jah
Cães danados do fascismo
Babam e arreganham os dentes
Sai do ovo a serpente
Fruto podre do cinismo

ParlamentoPB


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br