sex
19
nov
2021

Festival Pretitudes

Continua nesta sexta-feira a programação do ‘Festival Pretitudes: Arte, Cultura e Protagonismo Negro’ promovido pelo Governo do Estado da Paraíba, através Fundação Espaço Cultural (Funesc) em parceria com a Secretaria da Mulher e Diversidade Humana (SEMDH), em alusão ao Mês da Consciência Negra.

A noite de atividades começas às 18h30 com o Painel Funesc sobre ‘Literatura Negra na Paraíba’, na Sala de Concertos Maestro José Siqueira. A ação tem mediação do jornalista Jãmarrí Nogueira e participação dos escritores Edson Gomes, Dendê Ma’at, Larissa Mendes, Thays Albuquerque, Antônio Carlos Pereira, Filosofino e Rudha.

Em seguida, às 20h, ocorre o ‘Leituras Pretas’, ação que contempla artistas negros da área da literatura e do teatro que foram selecionados através do edital. A ideia é que os atores interpretem os textos produzidos pelos escritores contemplados, que também estarão presente na cena. A atividade será apresentada por Amina Carvalho e também acontece na Sala de Concertos.

No primeiro ato, Sidney Ruffino interpretará fragmentos das obras ‘Abstinência, desmoralização e o auge do conceito em ser vago’ e ‘Treze andares e um negro’, de Rhuda. Em seguida, Sérgio Lucena interpreta o texto de Dendê Ma’at, ‘Bombogira’.

O palco então passa a ser de Juciene Fernandes, atriz, e Tony dos Santos, autor de ‘Eles Monstruosos, Um Dia Por Vez e  A Cura’. João Vitor Santos interpretará as obras ‘O amor é perigoso (Cuidado!)’ e ‘Mãe África (fragmentos dos textos)’, de Filosofino e Edson Gomes. As mesmas obras serão interpretadas logo em seguida pelo ator Walber Martins. Na sequência, Thaismary Ribeiro interpreta fragmentos dos textos ‘Estrangeira desde que nasci’ e ‘Ecos’, de Thays Albuquerque. Fechando a noite, ‘Desvarios’, de Larissa Mendes será interpretado por Larissa Santana.

Em parelelo, acontece ainda a Feirinha com produtos e serviços oferecidos por mulheres negras inscritas no programa ‘Economia Solidária’ e nas ações da Secretaria da Mulher e Diversidade Humana (SEMDH).

Todas as ações são gratuitas e acontecem de forma híbrida, com a presença do público – seguindo todos os protocolos de segurança e redução da capacidade de lotação – e transmissão pela TV Funesc (youtube.com/tvfunesc).

O público pode ainda contribuir doando alimentos não perecíveis que serão repassados para a Central Única das Favelas (CUFA), que promove as campanhas #MãesdaFavela e #CufaContraoVírus. O ponto de arrecadação é no Espaço Cultural da Paraíba.

Serviço:
Festival Pretitudes 19/11 (Sexta-feira)

18h30 – Painel Funesc 

Local: Sala de Concertos Maestro José Siqueira
Tema: Literatura Negra na Paraíba
Mediação: Jamarri Nogueira
Convidados/as: Dendê Ma’at, Larissa Mendes, Thays Albuquerque, Edson Gomes, Antônio Carlos Pereira, Filosofino e Rudha

20h – Leituras Pretas
Local: Sala de Concertos Maestro José Siqueira
Apresentação: Amina Carvalho
Atrizes, atores, poetas e poetisas selecionados no edital:

Nome artístico: Sidney Ruffino
Autor: Rhuda
Obra: Fragmentos dos textos: "Abstinência, desmoralização e o auge do conceito em ser vago" e "Treze andares e um negro"

Nome artístico: Sérgio Lucena
Autor: Dendê Ma’at
Obra: Bombogira

Nome artístico: Juciene Fernandes
Autor: Tony dos Santos
Obra: Fragmentos dos textos: Eles Monstruosos, Um Dia Por Vez e  A Cura.
Nome artístico: João Vitor Santos
Autores: Filosofino e Edson Gomes
Obras: O amor é perigoso (Cuidado!) e Mãe África (fragmentos dos textos)
Nome artístico: Walber Martins
Autores: Filosofino e Edson Gomes
Obras: O amor é perigoso (Cuidado!) e Mãe África (fragmentos dos textos)
Nome artístico: Thaismary Ribeiro
Autora: Thays Albuquerque
Obras: Estrangeira desde que nasci e Ecos (fragmentos do texto)
Nome artístico: Larissa Santana
Autora: Larissa Mendes
Obra: Desvarios

Secom-PB


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br