sáb
23
mar
2019

ciro_prisão de temer

Após fazer críticas ao ex-presidente, por quem foi processado duas vezes e condenado a lhe pagar indenização por danos morais, Ciro Gomes afirma que sua "consciência de cidadão" e "formação jurídica" lhe "obrigam a afirmar: esta prisão, da forma como foi feita não se sustenta. Afronta o melhor direito, fere a constituição".

247 – O ex-ministro Ciro Gomes, candidato do PDT à presidência da República em 2018, criticou a prisão da Lava Jato contra o ex-presidente Michel Temer, que assumiu o poder após contribuir para um golpe contra a presidenta eleita Dilma Rousseff. Em sua página no Facebook, após fazer críticas a Temer, por quem foi processado duas vezes e condenado a lhe pagar indenização por danos morais, Ciro afirma que sua "consciência de cidadão" e "formação jurídica" lhe "obrigam a afirmar: esta prisão, da forma como foi feita não se sustenta. Afronta o melhor direito, fere a constituição".

ciro gomes-Fcebook

Brasil 247


  Compartilhe por aí: Comente

Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notificar quando


Ir para a home do site
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É PROIBIDA A REPRODUÇAO PARCIAL OU TOTAL DESTE SITE SEM PRÉVIA AUTORIZAÇAO.
Desenvolvido por HotFix.com.br